Logomarca Aparecidatur Turismo Receptivo

Telefones

(12) 3105-7560
(12) 99711-4196 (José)
(12) 99737-4348 (Gláucia)
(12) 98104-8594
(12) 98238-2197

Sexta-Feira, 19 de Outubro de 2018

contato@aparecidatur.com.br

Turismo Religioso e Turismo Cultural

Turismo Religioso e Turismo Cultural

O Turismo religioso é diferente de todos os outros tipos de turismo. Ele tem como motivação principal a .

No caso, a fé nos leva a lugares onde Deus se manifesta de um modo mais forte. Que lugares são esses? São os Santuários, as Basílicas, as Igrejas, onde são cultuados os santos de nossa devoção.

Para nós, aqui do Brasil, o maior centro de peregrinação religiosa é Aparecida, onde se encontra o maior santuário mariano do mundo.

Com a consolidação do Cristianismo, Jerusalém e Roma tornaram-se grandes centros de peregrinações. Daí a palavra "romeiro".

Além de Roma e Jerusalém, há outros grandes centros de peregrinação, que chamam a atenção pelo grande número de peregrinos que visitam esses lugares: No México, o Santuário de N. Sra. De Guadalupe recebe milhões de fiéis todos os anos. Na França, o Santuário de N. Sra. de Lourdes também atrai milhões de peregrinos.

Lourdes é uma cidade pequena, cortada por um rio de águas verdes. Ao lado do Santuário, há um grande centro de acolhimento aos peregrinos doentes. Chama a atenção o trabalho de centenas de voluntários, todos de jaleco azul, atendendo pessoas enfermas do mundo todo, que vão a Lourdes em busca de cura para suas enfermidades.

Centro de Acolhimento aos peregrinos doentes, em Lourdes. (foto da Aparecidatur)

 

Em Paris, há o Santuário de N. Sra. Da Medalha Milagrosa, também muito visitado. Ali, N. Sra. Apareceu à Santa Catarina de Labouré, no dia 27 de novembro de 1830. O corpo da santa está intato.

Igreja de N. Sra. da Medalha Milagrosa em Paris (Foto da Aparecidatur)

Na Espanha há o Santuário de N. Sra. Do Pilar, em Saragoça.

Ainda na Espanha, está um dos maiores centros de peregrinação do Mundo: Santiago de Compostela. Ávila, terra de Santa Tereza. A parte antiga da cidade é toda murada. Trabalho dos romanos.

               Ávila, onde a Religião e a História se misturam. (Foto Aparecidatur)

 

 

No Brasil, o Santuário de Aparecida recebe mais de 12 milhões de pessoas por ano.

                 O pátio do Santuário Nacional num dia de sábado. (Foto Aparecidatur)

Em Trindade – GO, bem próxima à Goiânia, está o grande Santuário do Divino Pai Eterno. Tornou-se um grande centro de peregrinações no centro-oeste do Brasil.

Santuário do Divino Pai Eterno, em Trindade – Go (Foto Aparecidatur)

Há também outros centros de peregrinações no Brasil que merecem destaque: Canindé (CE), Juazeiro (CE), Bom Jesus da Lapa (BA) e Nova Trento (SC), ou eventos como as Cavalhadas de Corumbá de Goiás, o Círio de Nazaré (PA), as inúmeras festas do Divino, as Folias de Reis, as novenas, romarias, procissões e encenações que ocorrem de norte a sul do país.

Na região do Vale do Paraíba a importância do turismo religioso pode ser verificada, não somente pelo fato de ser a cidade de Aparecida o maior centro de peregrinação do país, mas também pela existência de outros locais significativos para o desenvolvimento desta atividade turística, tais como: o Mosteiro da Sagrada Face (Roseira); Frei Galvão e a Gruta de Lourdes (Guaratinguetá); Santuário da Santa Cabeça (Cachoeira Paulista); Santuário de Bom Jesus (Tremembé) ou ainda nas diversas solenidades e festas religiosas da região, com especial destaque para as festas de São Benedito (Aparecida e Guaratinguetá) e a Festa do Divino (São Luiz do Paraitinga e Cunha).

As condições de deslocamento dos visitantes para percorrer todo o roteiro são facilitadas devido ao fácil acesso pela Rodovia Federal Presidente Dutra, que corta a região interligando São Paulo e Rio de Janeiro.

As Folias de Reis ou do Divino, a festa de São Benedito e suas congadas, o louvor e os festejos aos padroeiros locais continuam a pontuar o calendário vale paraibano, marcando o cotidiano com o tempo sagrado.

Turismo é Cultura

Todo tipo de Turismo, seja ele religioso ou não, tem uma característica que não pode ser esquecida. Todo turismo é cultura. Nós aprendemos muito quando viajamos. Aprendemos Geografia, História, Economia, línguas e costumes diferentes.

 

                   Centro Histórico de Ouro Preto - MG (Foto Aparecidatur)

Hoje, o romeiro, o peregrino, o turista que visita Aparecida e faz o circuito religioso (Aparecida, Roseira, Guaratinguetá e Cachoeira Paulista) se tiver um pouco mais de tempo disponível, pode enriquecer sua viagem visitando outras cidades. Como por exemplo: a belíssima Campos do Jordão, no alto da serra da Mantiqueira que está a apenas 75 km e a cidade de Cunha que está a 55 km.

Para aqueles que vêm do Sul, é uma boa oportunidade para conhecer também duas cidades do Sul de Minas, famosas por suas águas termais: Caxambu e São Lourenço.

E bem próximo de Caxambu fica a cidade de Baependi, onde está a igreja de Nhá Chica.

Nhá Chica foi beatificada no dia 4 de maio de 2013.

 

   Imagem de Nhá Chica na sua Igreja em Baependi (Foto Aparecidatur)

 

O Turismo Receptivo, ao lado do Turismo Emissivo, tem sua importância. Ele mostra aos visitantes atrativos turísticos até então desconhecidos.

Anuncie seu negocio

Publicidade

Pousada Sky